DESPEDIDA DE PROMOTOR
30/12/2019 20:49 em Novidades

 

 

APÓS SERVIR EM SUA TERRA NATAL PROMOTOR PARTE PARA MISSÃO NA CAPITAL

Leia: Coluna do Jornal Fique Sabendo da semana

O nosso entrevistado nasceu em Bom Despacho/MG, graduou-se em direito na PUC-Minas, BH/MG no ano de 2000, escolhido o melhor aluno, por aproveitamento, em todo o curso, no 5º período. Em BH e Vitória atuou como advogado das áreas cível e trabalhista; foi Defensor Público do Estado de Minas Gerais é Promotor de Justiça do nosso Estado desde 19 de agosto de 2005, atuou como Promotor Substituto, Cooperador, Titular e Promotor do Júri em importantes comarcas e cidades. Doutor Giovani Avelar Vieira é casado com Ana Luiza e têm 01 filho de nome Francisco. Ele foi contemplado com diversas insígnias da PMMG, recebeu a Medalha Desembargador Hélio Costa, Mérito Legislativo pela Câmara Municipal de Bom Despacho, Medalha Dr. Hugo pela Prefeitura de Bom Despacho e o título de Cidadão Honorário de Romaria (MG).

DÊNIS PEREIRA - Na juventude do senhor, especialmente nos âmbitos familiar e social, quais princípios foram cultivados que são considerados pelo senhor como indispensáveis para formação de um grande homem?
DR. GIOVANI VIEIRA - Ética, honestidade e disciplina.

DÊNIS PEREIRA - Quando foi que o senhor sentiu que o desejo de se ingressar no Ministério Público falou mais alto?
DR. GIOVANI VIEIRA - Quando cursava faculdade de Ciência da Computação na PUC, no ano de 1995, vi pelo jornal uma entrevista de um membro do MP de São Paulo, falando com muito entusiasmo acerca de trabalhos que estavam sendo feito para responsabilizar um político muito conhecido por seu envolvimento com a corrupção. Até então, muito pouco sabia acerca da instituição. Mas, aquela entrevista e a perspectiva de poder combater a corrupção me arrastaram para o MP. No ano seguinte passei a cursar Direito na PUC e já no primeiro dia de aula, decidi-me pelo MP.

DÊNIS PEREIRA - Ser Promotor de Justiça exige muita dedicação. Como tem sido conciliar as responsabilidades da profissão com a vida de esposo e pai de família?
DR. GIOVANI VIEIRA - Trabalho normalmente das 08 às 12h e das 13 às 19 horas, além dos finais de semana e feriados em que estou de plantão. Quando havia júris populares, eu dependia dos finais de semana e das noites para estudar. Minha família sempre compreendeu e me apoiou muito. Mas sempre tentei desligar do trabalho quando chegava em casa. Acho que consegui, mas era muito comum ser procurado sobre questões de trabalho nos momentos de folga.

DÊNIS PEREIRA - O que representou para o senhor servir na própria comunidade onde foi criado?
DR. GIOVANI VIEIRA - Um grande privilégio! Troquei a 3 PJ de Itaúna por Bom Despacho. Sabia das dificuldades, mas poder ajudar a cidade onde nasci e que me deu tudo era uma oportunidade que eu não poderia perder. E acabei vindo! Tenho certeza que tomei a decisão correta.

DÊNIS PEREIRA - Como o senhor encara o novo desafio agora na capital mineira?
DR. GIOVANI VIEIRA - Como uma vitória e como uma grande oportunidade profissional e de vida para mim, esposa e meu filho. A decisão de me candidatar à promoção e, alcançado esse objetivo, de assumir em BH foi muito bem refletida por todos nós.

DÊNIS PEREIRA - Qual a mensagem que o senhor deixar aos internautas da CENTRAL e jornal FIQUE SABENDO?
DR. GIOVANI VIEIRA - Que tenham um 2020 de paz, honestidade e oportunidade a todos. E aproveito para agradecer a todos bondespachenses pelo respeito e confiança que sempre dispensaram a mim e ao meu trabalho.

COMENTÁRIOS
CLICK! Conheça a ASPRA